Seja muito bem-vinda/e/o à Rede Comuá!

transforma

Hub de conteúdo da Rede Comuá

O Transforma é o hub de conteúdo da Rede Comuá, onde é possível encontrar materiais de referência sobre filantropia comunitária e de justiça socioambiental.

PUBLICAÇÕES HUB TRANSFORMA

2024
Key facts - Philanthropy and community communication
Key facts - This report provides a brief overview of the operational context of community media in the country, covering their main agendas, challenges, and obstacles, and highlighting the significant diversity and heterogeneity of this field, which presents itself as a complex and potent ecosystem. It also outlines ongoing dialogues and partnerships between philanthropy and community media, drawing from experiences and practices of organizations within the Comuá Network. Within the context of the research conducted, it becomes clear that beyond the existing exchange relationships and support among network members and local community communication initiatives, there are new identified demands and a desire to deepen partnerships. We also identify potential for joint actions in funding, coordination, and training, given that network members possess complementary experiences, expertise, and scopes of operation. Overall, this study aims to raise awareness about the importance of supporting community and independent media in Brazil. In the section "Why support community media," we discuss the intrinsic relationship of this agenda with ensuring and strengthening democracy, and its role in addressing news deserts and misinformation.
2024
Key facts - Filantropia e comunicação comunitária
Key facts - Este relatório traz um breve panorama do contexto de atuação das mídias comunitárias no país, passando por suas principais agendas, desafios e obstáculos, e destacando a grande diversidade e heterogeneidade desse campo, que se apresenta como um ecossistema complexo e potente. Também apresenta alguns diálogos e parcerias em curso entre a filantropia e as mídias comunitárias, a partir de experiências e práticas de organizações membro da Rede Comuá. No contexto da pesquisa desenvolvida, fica evidente que, para além das relações de troca e apoio já existentes entre os membros da Rede e iniciativas de comunicação local e comunitária, há novas demandas já mapeadas e interesse em aprofundar as parcerias. Identificamos também que há um potencial para a estruturação de ações conjuntas de financiamento, articulação e formação, visto que os membros da Rede têm experiências, expertises e escopos de atuação complementares. Em linhas gerais, este estudo está orientado para dar visibilidade à importância do apoio à comunicação comunitária e independente no Brasil. Na seção “Porque apoiar mídias comunitárias”, tratamos da relação intrínseca dessa agenda com a garantia e o fortalecimento da democracia, e de seu protagonismo no enfrentamento aos desertos de notícias e à desinformação.
2024
Apoiando soluções a partir das tradições
O Fundo Casa Socioambiental tem se destacado como um dos principais apoiadores das iniciativas lideradas por comunidades indígenas no Brasil, ao doar mais de R$31 milhões diretamente a 402 associações de 182 etnias, abrangendo 60% das etnias indígenas reconhecidas no país. Com uma metodologia estratégica e validada pelas próprias comunidades, o Fundo Casa promove a autonomia e o protagonismo indígena na preservação de seus territórios. A experiência e as práticas do Fundo são cada vez mais respeitadas no campo da filantropia, mas ainda há espaço para fortalecer a confiança e ampliar a atuação dessas comunidades. A publicação sobre a trajetória do Fundo Casa compila dados, histórias e reflexões sobre seu impacto na preservação dos biomas brasileiros, ressaltando a vital importância das comunidades indígenas para o equilíbrio climático global. Fundo Casa. Tags: Fundo Casa Socioambiental; Comunidades Indígenas; Preservação Ambiental
2024
Filantropia e comunicação comunitária
Este relatório traz um breve panorama do contexto de atuação das mídias comunitárias no país, passando por suas principais agendas, desafios e obstáculos, e destacando a grande diversidade e heterogeneidade desse campo, que se apresenta como um ecossistema complexo e potente. Também apresenta alguns diálogos e parcerias em curso entre a filantropia e as mídias comunitárias, a partir de experiências e práticas de organizações membro da Rede Comuá. No contexto da pesquisa desenvolvida, fica evidente que, para além das relações de troca e apoio já existentes entre os membros da Rede e iniciativas de comunicação local e comunitária, há novas demandas já mapeadas e interesse em aprofundar as parcerias. Identificamos também que há um potencial para a estruturação de ações conjuntas de financiamento, articulação e formação, visto que os membros da Rede têm experiências, expertises e escopos de atuação complementares. Em linhas gerais, este estudo está orientado para dar visibilidade à importância do apoio à comunicação comunitária e independente no Brasil. Na seção “Porque apoiar mídias comunitárias”, tratamos da relação intrínseca dessa agenda com a garantia e o fortalecimento da democracia, e de seu protagonismo no enfrentamento aos desertos de notícias e à desinformação.
2024
Guia das periferias para doadores
Este guia destina-se às empresas, instituições, financiadores e fundações que se preocupam em reduzir os impactos da desigualdade de “dentro” para “fora” na doação no Brasil. Isto é, estamos falando, diretamente, com aqueles que estão dispostos a olhar para dentro de suas próprias organizações, estejam dispostas a parar de “varrer a poeira para baixo dos tapetes” e entenderam que já passou do tempo de uma revisão ecossistêmica da filantropia e do ISP no Brasil. Pontuamos, mais uma vez, a importância de uma agenda de democratização de recursos para as periferias no Brasil, que ocupe uma posição chave para guiar as doações no país. Organização: Iniciativa PIPA Tags: Filantropia; Democratização; Periferias
2024
Fundos de Resposta Rápida - Lições aprendidas no apoio a Defensoras e Defensores de Direitos Humanos e Meio Ambiente no Brasil
Após 5 anos de existência do Programa de Apoio a Defensoras e Defensores de Meio Ambiente e Justiça Climática, o Fundo Casa compartilha os dados desta iniciativa e convida o campo da filantropia, pesquisadores e parceiros para reflexões. A publicação Fundos de Resposta Rápida – Lições aprendidas no apoio a Defensoras e Defensores de Direitos Humanos e Meio Ambiente no Brasil traz dados compilados por uma avaliação externa, que analisou uma série de indicadores relativos ao período de maior atuação do Programa, além de artigos escritos por convidados que enriquecem o debate com suas análises e provocações. A realização desta publicação conta com apoio da Porticus, financiador parceiro do Fundo Casa na produção de conhecimento. Organização: Fundo Casa Tags:
2022
Um olhar contemporâneo para a filantropia: práticas regenerativas de doação
Este artigo busca aprofundar a compreensão sobre padrões de pensamento que influenciam (com maior ou menor grau de consciência) a prática da doação no contexto brasileiro e, com isso, propõe-se a discutir caminhos inovadores para a prática da doação a partir de ideias desenvolvidas nos campos econômico e filantrópico que têm sido denominadas regenerativas. Organização: Philó Tags: Doação; Padrões de Pensamento; Prática Inovadora
2023
Percepções sobre o racismo no Brasil
A pesquisa "Percepções sobre o racismo no Brasil", organizada pelo Instituto de Referência Negra Peregum em parceria com o Projeto SETA e conduzida pelo IPEC, busca entender a opinião da população brasileira sobre o racismo. Ao consultar 2 mil pessoas com 16 anos ou mais em todas as regiões do país, entre os dias 14 e 18 de abril de 2023, o estudo revela índices relacionados a diversos aspectos da discriminação racial, destacando como diferentes grupos percebem esse fenômeno. Os resultados reforçam descobertas de pesquisas anteriores, apontando para os impactos do racismo, como exclusão, marginalização e sub-representação de grupos étnico-raciais. Além disso, apresenta resultados inéditos que ressaltam a necessidade de ações coordenadas e vigorosas por parte do Estado e da sociedade civil para combater o racismo sistêmico. Esses dados fornecem subsídios essenciais para orientar agentes e instituições governamentais, do setor privado e do terceiro setor na promoção da equidade racial no Brasil. A publicação é uma contribuição significativa para o debate e ações concretas em prol da justiça e inclusão racial no país. Organização: Instituto de Referência Negra Peregum Tags: Racismo; Percepções; Equidade racial
2023
Semeando futuros e colhendo aprendizados junto a projetos socioambientais desenvolvidos por mulheres
No mês das mulheres, o ISPN lançou "Semeando Futuros e Colhendo Aprendizados", uma publicação que destaca projetos socioambientais liderados por mulheres na Amazônia Legal. Esses projetos, apoiados pelo Fundo PPP-ECOS, têm sido ferramentas poderosas na luta contra as desigualdades de gênero. A publicação apresenta 23 projetos que oferecem um olhar profundo sobre a vida das mulheres do campo e da floresta, destacando suas experiências no beneficiamento de produtos da sociobiodiversidade, como babaçu, pequi e mangaba, que promovem autonomia e geração de renda. Além disso, destaca-se uma oficina realizada em maio de 2023, que proporcionou um espaço de debate e troca de experiências entre as mulheres apoiadas pelo PPP-ECOS. O estudo e a oficina revelaram a importância de aumentar e aprimorar o financiamento de projetos liderados por mulheres, reconhecendo seu papel na promoção da autonomia e do protagonismo feminino, bem como na conservação da biodiversidade e no fortalecimento de políticas públicas. ISPN. Tags: Mulheres; Projetos Socioambientais; Amazônia Legal
2024
Revista Plurais - Vozes, saberes e práticas da filantropia comunitária e de justiça socioambiental
Fomentar, apoiar e dar visibilidade à produção de conhecimento voltada a demonstrar práticas da filantropia comunitária e de justiça socioambiental independente que fogem aos tradicionais modos de fazer doação no país é um dos pilares da estratégia de incidência da Rede Comuá junto aos ecossistemas filantrópicos nacional e internacional. Essas experiências e práticas demonstram que, de fato, a filantropia pode contribuir para as lutas pela redução das desigualdades e para a transformação social. São novos olhares que trazem, também, o potencial de fomentar a reflexão e a desconstrução de práticas coloniais no setor da filantropia mainstream. A revista Plurais: Vozes, saberes e práticas da filantropia comunitária e de justiça socioambiental se volta a dar espaço à diversidade no campo, refletindo claramente a existência de filantropias, no plural, por meio de reflexões sobre transformação de realidades, saberes e decolonialidade. Quase todos esses conteúdos foram publicados no blog da Comuá entre o fim de 2022 e ao longo de 2023, permanecem atuais e nos instigam a refletir sobre como a filantropia pode contribuir para a justiça socioambiental e os direitos humanos a partir de uma perspectiva que considera os saberes dos grupos politicamente minoritários e comunidades territoriais na construção de soluções, atuando em parceria, de modo desburocratizado, e tecendo relações de confiança. Os textos, em sua maior parte originalmente produzidos para publicação no blog da Comuá, são assinados por membres da Comuá, parceires e apoiadores que nos acompanham nessa jornada ao longo do tempo. Que, com a Rede, buscam incidir no campo filantrópico para gerar reflexões e mudanças nos modos de doar e ampliar as doações para organizações e movimentos da sociedade civil em suas lutas por direitos e na defesa da democracia. Há também artigos publicados em outras mídias ou espaços parceiros, e que abordam temas centrais de nossas agendas. Tags: filantropia comunitária; revista plurais; justiça socioambiental